De olho no acesso, Manaus FC apresenta atacante Marcelo Nicácio

Com passagem por clubes da Série A do Brasileirão, o atacante Marcelo Nicácio é a nova aposta do Manaus FC para a Série D deste ano. O baiano de 35 anos foi apresentado pelo presidente Giovanni Silva em coletiva de imprensa na Arena da Amazônia na tarde desta terça-feira, 10 de abril.

Marcelo Nicácio chega ao Gavião do Norte após passagem pelo Uniclinic, onde foi eleito para a Seleção do Campeonato Cearense de 2018 com cinco gols marcados. O artilheiro começou a carreira no Bahia, passou por Atlético Mineiro, Figueirense, Ceará, Fortaleza, Paysandu, entre outros grandes clubes do futebol verde e amarelo.

“É muito bom receber o convite de um clube que é vencedor e o objetivo é ser vencedor junto com esse clube. A gente tem um projeto ambicioso, que é levar esse clube à Série C. Esse é o nosso maior objetivo e de todos fazem parte desse clube que é o Manaus”, disse o atacante.

Acostumado aos grandes desafios, o artilheiro elogiou o planejamento do Manaus FC e alertou sobre as dificuldades que serão enfrentadas na Série D. O time amazonense está no Grupo A1, ao lado do Baré-RR, Rio Branco-AC e Macapá-AP. A estreia acontece no dia 22 deste mês, contra o Baré, em Boa Vista.

“O time tem um grupo forte, e é isso que o presidente está procurando fazer aqui. Já tem uma base muito boa, uma base que conquistou o título (bicampeonato amazonense) e está na semifinal da Copa Verde, e algumas contratações que provavelmente ele deve fazer para fortalecer ainda mais o grupo. É encarar a competição como uma decisão, todos os jogos uma final, é uma competição muito difícil, praticamente um mata-mata desde o começo, então você tem que estar preparado desde o começo”, comentou o novato.

Com a contratação de Marcelo Nicácio, o Gavião do Norte agora passa a contar com cinco jogadores para a posição. Além do baiano, o grupo conta com Rossini, Nena, Romarinho e Wesley Napão.

“É importante a chegada do Marcelo Nicácio e a gente não traz só pela experiência, mas com o intuito de o Manaus FC continuar fazendo os gols. A gente acredita muito nele para a disputa da Série D”, explicou o presidente Giovanni Silva ao falar sobre o reforço.

Por: Emanuel Siqueira

Gavião não treme, elimina Rio Branco fora e pega Paysandu na semifinal da Copa Verde 2018

Por: Emanuel Siqueira

Pela segunda vez na temporada, o Manaus FC mostrou que não treme jogando fora de casa. Depois de eliminar o Clube do Remo-PA em Belém na primeira fase, o Gavião do Norte despachou o Rio Branco-AC em plena Arena da Floresta na tarde deste domingo, 18 de março, e avançou para as semifinais da Copa Verde 2018. O adversário do representante amazonense é o Paysandu.

O time da casa abriu o placar aos 36 minutos do primeiro tempo com Diogo Delon. No entanto, o Gavião do Norte seguiu a orientação do técnico Igor Cearense, botou a bola no chão e teve personalidade para jogar como time grande e buscar o empate. E ele veio com gol de Hamilton, o “Ibrahimovic da Amazônia”, aos 22 minutos da etapa complementar.

Como houve empate por 1 a 1 na Arena da Amazônia, a nova igualdade pelo mesmo placar levou a definição para os pênaltis. E aí a equipe de Igor Cearense fez o dever de casa com as cobranças convertidas por Negueba, Panda, Deurick e Hamilton – Cleitinho foi único que errou. O paredão Jonathan deu defendeu uma cobrança e viu a outra explodir no travessão. Placar final 4 a 2.

O presidente do Manaus FC, Giovanni Silva, destacou o crescimento do clube em jogos fora de casa. A experiência do elenco na guerra psicológica de atuar fora dos seus domínios foi exaltada pelo mandatário do Gavião do Norte.

“Temos quatro anos de história apenas e já fizemos o que vários clubes do Estado não fizeram nas últimas competições regionais e nacionais. É preciso que as pessoas respeitem o Manaus FC, pois não estamos aqui para brincar de fazer futebol. Aqui não treme, aqui joga para ganhar sempre”, desabafou Giovanni, ainda nos vestiários da Arena da Floresta.

Busca no Site

Top 10 Notícias

Newsletter