Author: NoPodio

2ª Copa OAB de Jiu-Jitsu está com inscrições abertas

Estão abertas as inscrições para a 2ª Copa OAB de jiu-jitsu, evento organizado pela Federação Amazonense de Jiu-Jitsu Profissional (FAJJPRO), que acontecerá no dia 20 de Agosto, às 9h na quadra do Colégio Militar da Polícia Militar do Amazonas (CMPM1), no bairro Petrópolis, zona Sul de Manaus.

Segundo o presidente da FAJJPRO, Bosco Junior, a Organização dos Advogados do Brasil (OAB) teve a iniciativa de fazer a primeira edição do evento em virtude de muitas pessoas do meio jurídico praticarem o esporte. O sucesso foi tanto que chega a segunda edição com uma expectativa de reunir 800 atletas.

“Ano passado reunimos 250 atletas, em um evento destinado apenas para alunos de direito. Nessa segunda edição será aberto a todos os praticantes de jiu-jitsu”, explicou Bosquinho.

O campeonato é aberto a todos os atletas da modalidade, de todas as categorias de peso (do galo a pesadíssimo), e para as idades de pré-mirim a super-sênior. Haverá premiação em dinheiro para as categorias do absoluto.

As inscrições no valor de R$ 30, podem ser feitas até o dia 18 de agosto, na sede da FAJJPRO, localizada na rua C-10, n. 1490, segunda etapa do bairro Japiim, zona Sul da cidade. Mais informações através do telefone (92) 98823-4840 ou (92) 99303-0046.

Entrevista com Samir Nadaf

Em entrevista exclusiva, Samir falou sobre novidades para a 23ª edição do Mr. Cage e o trabalho desenvolvido com os lutadores e eventos realizados no Amazonas. Confira:

NP: Fale sobre as novidades do Mr. Cage 23
SN: Será incrível uma edição ouro com treze lutas, sendo oito defesas de cinturões no mesmo card. Fato inédito. Nossos campeões defendendo contra grandes atletas nacionais e internacionais. Uma produção de primeira, com uma agência respeitada e conceituada de Manaus, a MODE ON EVENTOS. Tenho certeza que vai marcar uma nova era.

NP: São muitos anos promovendo eventos e o Mr. Cage chega a 23ª edição. Como você avalia esses anos de trabalho no meio das lutas?
SN: Não foi fácil. Eu sou faixa preta de jiu-jitsu, pego meu 4º Dan em fevereiro de 2017 e realizo eventos de MMA desde o ano de 2004. Já vi de tudo que você possa imaginar nesse meio, como pessoas que prometem e não cumprem, gente caindo de paraquedas, gente saindo em camburão de polícia, gente copiando as minhas ideias e o pior, gente chegando agora e já querendo sentar na Janela . Eu sou do tempo que ao invés de adesivar ou plotar a lona, cortávamos a logomarcas dos patrocinadores em cartolinas com a tesoura, comprava todas as cores de tintas e pegava o compressor de ar a pistola e pintavas as cartolinas com suas devidas logomarcas . Sou do tempo que meu ring ou meu cage tinha 400 parafusos . Hoje meu ring ou cage não tem nenhum. Sou do tempo que uma lona locomotiva, aquelas do exército, tinha que pintar e era mais de 15 pessoas pra carregar. Hoje minhas lonas são carregadas apenas por uma pessoa. O Mr. Cage tornou-se um evento esportivo premium, com estrutura e organização para garantir conforto e segurança ao público. Nossas lutas sempre estão em primeiro plano, sempre buscando fazer a diferença em cada edição, trazendo os melhores card´s de lutas e atletas do nosso estado e do Brasil. O Mr. Cage tem como objetivo, e tem realizado isso, tornar-se uma referência e ser uma vitrine de lutadores para o Brasil e para o mundo.

NP: Cite alguns lutadores que foram revelados nos teus eventos de MMA?
SN: Fico orgulhoso de ter realizado a 1ª Luta de MMA no Sherdog do nosso campeão José Aldo no ano de 2004. Tem os lutadores amazonenses que estão no UFC e já passaram pelo Mr. Cage, como Diego Brandão, Adriano Martins, Alan Nuget, Dileno Lopes, Ronaldo Jacaré e Ketlen Vieira. Os lutadores Alexandre Capitão e Robert Pato que estão no WSOF. Existem outros atletas que se destacam e estão lutando grandes eventos nacionais e internacionais como Raymison Formiga, Naldo Silva, Gerônimo Mondragon, Erick Silva, Junior Negão, Michel Sassarito, Alexandre Lek Lek, Jordan Rocha, Mario Israel, Ericley Silva, Werllison Galinho, Rany, entre outros.

NP: Quais as maiores dificuldades que você enfrentou para realizar eventos?
SN- Patrocínio, mesmo sendo o esporte que mais cresce no mundo é uma situação cada vez mais difícil. Uma vez no Cassino Fight Club 3, na quadra do colégio CIEC em 2007, um repórter me fez essa pergunta e eu disse que era isso que eu queria pra mim. Hoje estamos aqui.

NP: Fala da tua rotina como empresário das lutas.
SN: São muitas viagens. Eu costumo falar que quem trabalha com o que ama, sempre está de férias. Como atleta, quem me conhece sabe que sou extremamente competitivo. Voltei a competir final de 2015 e 2016 e graças a Deus fui campeão. Ganhei duas lutas casadas e três campeonatos. Eu estava parado desde 2012 quando fui campeão brasileiro. Em relação a eventos, com certeza é o que sei fazer de melhor. No que diz respeito a lutadores, eu adoro fazer um excelente trabalho e no final ver o sorriso no rosto do meu atleta.

NP: Fale sobre seu trabalho como empresário de lutadores.
SN: Comecei a empresariar atletas no final de 2010, sou pioneiro em Manaus como “Manager”. Comecei o trabalho com três atletas, o Adriano Martins, Iliarde Santos e o Mondragon. Eu já tinha os atletas, mas não tinha como chegar. Pesquisei bastante onde e em quem me espelhar ou ter uma conversa. Graças a Deus veio o melhor Manager do mundo, Alex Davis, um cara sério e honesto que me ensinou e me ensina até hoje. Ele gostou tanto que hoje somos sócios.

NP: Como você avalia a participação dos amazonenses no UFC?
SN: Muito boa. Estão de parabéns, aqui é a terra da Luta. José Aldo merecia a revanche imediata e Ronaldo Jacaré já merecia ter lutado pelo título faz tempo. Adriano Martins chegará no cinturão em 2017. Ketlen Vieira vai mostrar porque eu a apelidei de fenômeno.

NP: Como você avalia o crescimento do MMA no Amazonas.
SN: Hoje no Norte existe o MMA antes e depois da era Mr. Cage. Isso é história, as pessoas irão envelhecer e lembrar disso.

NP: Agradecimentos.
SN: Ao meu DEUS, porque sem ele, eu não sou nada. A minha família, aos lutadores, aos amantes de MMA e aos amigos patrocinadores.

Por: Greici Fernandes

Foto : Divulgação

INscrições abertas para a 25ª Copa Orley Lobato

A Federação de Jiu-jitsu do Amazonas (FJJAM) está com inscrições abertas para a 25ª Copa Orley Lobato, que acontecerá sábado, dia 06, às 9h, no ginásio Ninimber Guerra, no bairro São Jorge, zona Oeste de Manaus.

As inscrições no valor de R$ 30, podem ser feitas até terça-feira, dia 2, no Club Orley Lobato, situado na Rua 07, n 80, primeira etapa do bairro Japiim, próximo a Casa das Correias. Mais informações através do telefone: (92) 99202- 7010 ou (92) 99481-2538.

FAJJPRO está com inscrições abertas para VI Copa Butika de Jiu-Jitsu Profissional

A Federação Amazonense de Jiu-Jitsu Profissional (FAJJPRO) está com inscrições abertas para a VI Copa Butika de Jiu-Jitsu Profissional. O evento será realizado nos dias 27 e 28 de agosto, às 9h da manhã, no ginásio Ninimberg Guerra, localizado no bairro São Jorge, zona Oeste de Manaus.

Segundo o presidente da FAJJPRO, Bosco Junior, a expectativa é receber cerca de 1200 atletas inscritos na competição. “Contamos com a participação de todos. Não é obrigatória a carteirinha da FAJJPRO, porém o atleta deve apresentar documento original com foto ou carteira de qualquer federação que esteja filiado”, explicou.

O evento é aberto a todos os atletas da modalidade, de todas as categorias de peso (do galo a pesadíssimo), e para as idades de pré-mirim a super-sênior. Além das disputas normais no feminino e masculino em todas as categorias, haverão também as disputas do absoluto.

As academias campeãs serão premiadas em dinheiro. Sendo R$ 1.500,00, para a academia campeã, R$ 1.000,00, para a vice-campeã e R$ 500,00 para a terceira colocada. A competição vale pontos no raking da FAJJPRO que anualmente faz a soma dos campeonatos oficiais e as dez primeiras academias recebem no fim do ano dez placas de tatame e cinco kimonos.

As inscrições no valor de R$ 30, podem ser feitas até o dia 24 de agosto, na sede da FAJJPRO, localizada na rua C-10, n. 1490, segunda etapa do bairro Japiim, zona Sul da cidade ou através do site oficial do evento, no endereço www.campeonatodejiujitsu.com.br

Butika
A copa Butika é uma homenagem do Club Pina ao faixa preta de jiu-jitsu e campeão Mundial, Andreson Farias, que morreu há nove anos, vítima de um acidente de moto.

Por Greici Fernandes

Mulherada domina a Segunda edição da Copa Skinka de Jiu-Jitsu

A segunda edição da Copa Skinka de Jiu-Jitsu foi marcada pela participação em massa das mulheres. Dos 400 atletas inscritos, 118 eram mulheres que disputaram o campeonato neste domingo, dia 31, na quadra do Colégio Militar da Polícia Militar do Amazonas (CMPM1), no bairro Petrópolis, zona Sul de Manaus.

Destaque para a atleta do Projeto Nandinho, Franciele Nascimento que conquistou o titulo de campeã na categoria adulto faixa roxa e no absoluto.

Confira os resultados
Academias campeãs
1° Academia Nova Opção
2° Academia André Santos
3° Academia Bruno Santos

Campeã Absoluto Feminino
Franciele Nascimento (Projeto Nandinho)

Campeão Absoluto Juvenil
Fabrício Andrei fechou com o Nathanael Jackson (Projeto Nandinho)

Campeão Absoluto Adulto Faixa Azul

Luiz Paulo (Projeto Nandinho)

Campeão Absoluto Adulto Faixa Roxa
Elias Silva fechou com Dimas Morães (Projeto Nandinho)

Campeão Absoluto Faixa Marrom
Rafael Ferreira (Ac. Dailson Pinheiro)

Foto e Texto Greici Fernandes

Copa Alfa de Jiu-Jitsu movimenta bairro Alvorada

A Copa Alfa Alvorada de Jiu-jitsu reuniu cerca de 400 atletas neste domingo, dia 31 de julho, na quadra da Escola Nossa Senhora de Fátima, na Rua 12, segunda etapa da Alvorada, Zona Centro-Oeste de Manaus.

A competição contou com a participação de 12 academias, tendo como campeã a Nova União Kids, em segundo lugar a equipe LH e em terceiro lugar a Game Fight.
“O campeonato foi um sucesso, todos saíram satisfeito e em breve vamos iniciar os preparativos para um novo evento”, explicou Orlando Junior, organizador do evento.

Foto e texto  Greici Fernandes