• Home
  • Capoeira é homenageada em sessão especial realizada na Assembleia Legislativa do Amazonas nesta sexta-feira (05/07)

Capoeira é homenageada em sessão especial realizada na Assembleia Legislativa do Amazonas nesta sexta-feira (05/07)

A Capoeira, arte e esporte genuinamente brasileiros, é reconhecida como um patrimônio cultural imaterial brasileiro. Em âmbito nacional, o Dia da Capoeira é 20 de novembro. No Amazonas comemora-se no dia 10 de julho. Em alusão à data, a Assembleia Legislativa do Amazonas (Aleam) realizou nesta sexta-feira (05/07), às 9h, no Plenário Ruy Araújo, uma Sessão Especial. O secretário executivo adjunto de Juventude da Secretaria de Estado de Juventude, Esportes e Lazer (Sejel), Adérito da Costa Penafort Júnior, representou o governador Wilson Lima no evento.

“O esporte se entrelaça com a arte e nenhuma outra modalidade ressalta essa expressão que forma cidadãos com disciplina”, comentou o secretário adjunto, Adérito Júnior. “A Secretaria de Esportes está de portas abertas, iremos ajudar a capoeira com certeza e acompanharemos o resultado dessas atividades. Agradeço em nome do Governo do Estado do Amazonas a oportunidade de estar presente aqui”, completou.

A sessão que iniciou com o vídeo de homenagem aos que praticam a capoeira, contou um pouco da história da modalidade que marca a abolição dos escravos no Amazonas. Cerca de 50 pessoas se fizeram presentes no local, dentre elas coordenadores da associação de capoeira do amazonas, das secretarias estaduais e atletas. A solenidade dirigida pelo deputado João Luiz, exaltou a importância do esporte no nosso estado e entregou certificados homenageando cinco professores que representam a modalidade esportiva.

“A Assembleia abriu as portas pra esta Sessão Especial mostrando que a prática da luta é bastante importante e parabenizamos a capoeira que ganhou o mundo e é executada em mais de 160 países”, discorreu o deputado. “Essa sessão só tem a prestigiar o primeiro esporte que pratiquei na infância, a capoeira, que hoje é levada para escolas, universidades e centros sociais”, finalizou.

FOTOS: AMAURY MORAES/SEJEL

Deixe uma resposta

Busca no Site

Top 10 Notícias

Newsletter