• Home
  • Paratleta amazonense mostrará sua força em Campeonato Mundial

Paratleta amazonense mostrará sua força em Campeonato Mundial

Em busca do bicampeonato, o paratleta amazonense Lucas Manoel Santos, de 17 anos, irá embarcar no próximo domingo (7/7), rumo à cidade de Nursultan, no Cazaquistão, país localizado na Ásia Central, para participar do Campeonato Mundial de Halterofilismo. A competição será realizada entre os dias 12 a 20 de julho, pelo Comitê Paralímpico Internacional (CPI).

Lucas irá integrar a Seleção Brasileira e disputará a categoria Júnior (até 49 quilos), no levantamento de supino, da qual foi campeão em 2017.

“O Lucas é um fenômeno, um atleta realmente diferenciado. O Governo Wilson Lima se esforçará ao máximo para que não só ele, mas cada vez mais atletas alcancem medalhas e recordes, até porque temos inúmeros talentos e buscaremos dar oportunidades para que todos consigam desenvolver o seu potencial”, afirmou Caio André de Oliveira, titular da Sejel.

Na manhã desta sexta-feira (5/7), na academia do Centro de Treinamento de Alto Rendimento da Amazônia (Ctara), que fica localizado na Vila Olímpica de Manaus, o atleta realizou o último treino antes do mundial, em que foram simuladas todas as características e variáveis da competição que vai ser enfrentada.

“Sempre no final do período de preparação finalizamos com uma simulação, para preparar e deixar o atleta mais focado para a competição. Desta vez foram três ‘juizes’ que avaliaram os levantamentos”, explicou Getúlio Filho, técnico e presidente da Federação de Esporte Paralímpico do Amazonas (Fepam).

Responsável pela aproximação do paratleta com a modalidade, Getúlio foi o incentivador dos treinamentos de Lucas no Ctara, que teve início em 2016 e continua até os dias atuais. “O Lucas tem grandes chances de trazer medalha novamente. No último mundial em que foi campeão, ele levantou 100 quilos. Hoje ele consegue 127 quilos, o que demonstra uma excelente evolução dele”, finalizou.

Objetivos – Mesmo com pouca idade, o halterofilista já acumula muitas medalhas e recordes nacionais e internacionais. Na última competição, em abril deste ano, ele bateu o recorde brasileiro e das Américas, no Juniores (até 49 kg), ao levantar 125 quilos. Com toda essa experiência, o atleta chega à quinta participação em competições internacionais de forma tranquila.

“O peso de competir em outro país já encaro tranquilamente. Vou chegar lá e dar meu melhor, pois quero muito trazer bons resultados para o Amazonas e o Brasil. Além disso, também tenho o objetivo de ser convocado para os Jogos Parapan-Americanos, que será em Lima, no Peru, então vou me dedicar para mais essa conquista”, destacou Lucas.

FOTOS: Mauro Neto / Sejel

Deixe uma resposta

Busca no Site

Top 10 Notícias

Newsletter