• Home
  • Paratletas do Amazonas conquistam seis medalhas, sendo três de ouro, no Circuito Brasil Loterias Caixa de Halterofilismo

Paratletas do Amazonas conquistam seis medalhas, sendo três de ouro, no Circuito Brasil Loterias Caixa de Halterofilismo

Com um saldo de três medalhas de ouro, duas de prata e uma de bronze, a equipe amazonense de Parapowerlifting da Associação dos Deficientes Físicos do Amazonas (Adefa) encerrou sua participação no último Circuito Brasil Loterias Caixa de Halterofilismo, que ocorreu de 12 a 15 de setembro em São Paulo.

A equipe, que treina no Centro de Treinamento de Alto Rendimento do Amazonas (Ctara) e conta com o apoio do Governo por meio da Secretaria de Estado de Juventude, Esportes e Lazer (Sejel), conquistou ainda dois índices, com colocação de 4º e 5º lugar, para disputar o Brasileiro.

Quem abriu o quadro de medalhas foi o bicampeão mundial e medalhista no Parapan-Americano, Lucas Santos, de 17 anos. O atleta quebrou mais um recorde e conquistou o 1º lugar na categoria até 49 quilos do Junior e do Adulto, ao levantar 127 quilos na barra. Para ele, a missão foi cumprida. “Eu queria estar entre os três principais atletas das duas categorias e consegui. Superei a minha marca e saio da competição satisfeito”, disse.

Uma das medalhas de prata conquistadas foi do atleta Daniel Ferreira, até 72 quilos. Ele conseguiu levantar 102 quilos e agora focará nos treinos para a fase nacional da competição. “O resultado é fruto de muito treino. Nós nos preparamos bastante para essa última fase do circuito e fomos felizes. Todos vieram com conquistas ou índices para o Brasileiro, competição mais importante, na qual vamos focar para representar bem o estado”, declarou.

Participaram ainda da competição e medalharam os atletas Eduardo Dantas, categoria até 54 quilos, campeão ao erguer 125 quilos; Vanessa Menezes, categoria até 61 quilos, que arrematou a prata ao levantar 64 quilos; e Maria de Fátima Castro, até 67 quilos, que conseguiu o bronze, levantando 75 quilos. Os atletas Carlos Cesar, categoria até 65 quilos, e José Ricardo Silva, até 107 quilos, conseguiram índices para disputar o Brasileiro, que será em novembro, em São Paulo, ficando em 4º e 5º lugar, respectivamente.

O técnico da equipe, Getúlio Filho, considera o resultado satisfatório, mas o objetivo será maior para o Brasileiro, que é chegar ao terceiro lugar por equipe. “Resultado já esperado e muito satisfatório. Agora vamos trabalhar e treinar ainda mais. Queremos chegar ao terceiro lugar por equipe no Brasileiro e pleitear o benefício do Bolsa Atleta, o que será um excelente investimento para eles e um feito inédito no estado”, finaliza.

FOTOS: Divulgação

Deixe uma resposta

Busca no Site

Top 10 Notícias

Newsletter